26 de dezembro de 2008

Deus e o futebol


A irmã Iraci Ribeiro do blog Administração do estresse, postou em meu blog o seguinte comentário:

Bem não sei bem se esse é lugar certo... mas misturar Deus com futebol...socoroooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo!!!!

"Não ameis o mundo e nem o que há no mundo... se alguém mesmo que for um pastor amar o que tem o mundo (e ama ao ponto de fazer disso assunto de seu blog)... o amor do pai não está NELE....

O MUNDO TEM SEU CURSO....e não definitivamente não estamos nele....
Sinto muito, não precisa publicar o comentário.. mesmo porque acho que não teria coragem de publicá-lo. Paz.



Prezada irmã Iraci,

Seu comentário, ou melhor seu desafio (já que você nem reservou espaço para saudações e, ainda duvidou da minha coragem de publicá-lo) chegou em boa hora, pois graças a Deus, um dos objetivos de meu blog está sendo alcançado: “trazer para debate temas que andam mexendo com a ‘espiritualidade’ de alguns”.

Em primeiro lugar, desejo paz sobre sua vida, e graça, aquele favor imerecido que recebemos de Deus.

Após ler e reler o seu comentário, visitei os seus ‘blogs’, e pude concluir que a irmã é uma jovem senhora afoita, querendo fazer, ou comentar algo, mas sem saber direito o quê e, como fazê-lo. Infelizmente, pude também concluir que em tão poucas linhas, a irmã cometeu vários erros, dentre os quais, quero destacar:

a. ERRO DE POSTAGEM
b. ERRO DE JUGAMENTOS PRÉCIPITADO

Quanto ao erro de postagem, a irmã disse: “Bem não sei bem se esse é lugar certo...”, pois é, não era o lugar certo. A irmã deveria ter postado o comentário no final do artigo: Livrai-nos da segunda divisão ou livrai-nos da superstição? e não no final da página, pois aquele artigo fala da diferença entre pastores e domadores, e não de futebol! entretanto este fato é irrelevante.

Quanto aos erros de julgamento, a irmã cometeu pelo menos três:
1. Acusou-me de misturar Deus com futebol:
2. Acusou-me de não ter o amor do Pai (erro hermenêutico)
3. Acusou-me de não ter coragem de publicar o seu comentário

A respeito de tais erros, vamos por parte:

Quem misturou Deus com o futebol foi o autor do livro que citei; creio que a irmã deveria ter lido todo o artigo antes de fazer estas observações infundadas e incoerentes. Foi ele e não eu que disse: “O resultado do jogo foi três a zero! Um gol para o Pai, um gol para o Filho e um gol para o Espírito Santo de Deus!”. E, “Para nós, o dia do jogo foi, com certeza, o dia em que o Senhor vestiu a camisa do nosso time!”

O fato de gostar do futebol, não significa que estou ‘amando’ o que está no mundo, além do mais, aprendi com a bíblia que tudo tem o seu tempo determinado, e assim como a tempo para orar, ler a bíblia, jejuar, etc, há tempo também para descansar, brincar com o meu filho e, porquê não, acompanhar uma partida de futebol pela televisão.

Querida irmã, pude observar no seu perfil (no blog Administração do Stress) que a senhora gosta de filmes, por isto, pergunto: - Qual a diferença entre assistir a um bom filme e acompanhar uma partida de futebol? Será que uma das coisas é mais santa do que a outra? Ou será que pelo simples fato de não gostar de futebol, a irmã condena e ‘coloca’ no inferno aqueles que gostam?

Amada, dizem que se conselho fosse bom, ninguém dava, mas vendia! No entanto, quero me atrever a lhe dar um: - Jogue este legalismo fora e siga a seguinte recomendação paulina: “O que come não despreze o que não come; e o que não come, não julgue o que come” - RM 14:3; contextualizando... se não gostas de futebol, não condene quem gosta. É muito feio e acima de tudo anticristão sair por ai jogando pedras e condenando pessoas a bel prazer, lembre-se do adágio: Você está em casa alheia, e na casa dos outros não devemos nos meter!

Infelizmente, a irmã não é a única que pensa assim; existem alguns círculos evangélicos que classificam a pratica de esportes como mundana. Os membros são proibidos de praticarem qualquer atividade lúdica. Para estes, qualquer entretenimento é taxado de carnal. O legalismo é tão cruel que desenvolve nos seus adeptos uma concepção rancorosa de Deus, um Ser que na verdade é um grande estraga-prazeres, que arbitrariamente nega e condena toda atividade divertida. Concernente a isto, veja o que o pr. Ricardo Gondim em seu livro É Proibido diz:

“Sei de muitos jovens que hoje vivem longe de suas igrejas e totalmente indiferentes à mensagem do evangelho porque sofreram exclusões e disciplinas públicas quando foram vistas usando calças compridas, um colar ou até mesmo brincos. Muitas vezes um jogo de futebol entre crianças ou soltar pipas ocasionam 45 minutos de repreensão do pastor. Em determinadas igrejas, raramente o sermão expõe a Bíblia, pois quase sempre começa com um versículo e acaba tratando do que pode e do que não pode. Alguns ficariam estarrecidos com o número de pessoas que sai pela porta dos fundos de suas igrejas, rejeitando e odiando o cristianismo, devido a esse rigor legalista sobre usos e costumes”...

Esse jugo pesado, quando não aliena, gera também uma outra excrescência: a hipocrisia. Existem muitos que se acomodam ao sistema religioso e mostram-se coerentes com as exigências do pastor somente quando estão na igreja. Longe da fiscalização religiosa, porém, vivem noutra realidade. Esse largo contingente de evangélicos conseguiu desenvolver uma duplicidade comportamental. Na esfera privada agem e convivem com mais liberdade, brincam e riem, vestem-se de acordo com as últimas novidades da moda. Mas, quando vão à igreja, passam por uma metamorfose impressionante. Assumem um ar mais grave. Agem dentro do ambiente religioso de acordo com os códigos impostos pela liderança, mas com revolta. A cada palavra dita no púlpito, haverá sempre um árduo exercício de decodificação. Como defesa, desprezam os sermões legalistas que ouvem. O jugo apregoado não lhes diz respeito. Vivem uma espécie de hipocrisia involuntária, que os agride”.

Portanto, Iraci, a irmã deveria ler mais a Bíblia, julgar menos e ler livros como:

- É Proibido: O que a Bíblia permite e a igreja proíbe – Ricardo Gondim
- Chega de Regras: Descubra a liberdade que há em Deus – Larry Crabb
- O Despertar da Graça – Charles R. Swindoll
- Como ser cristão sem ser religioso – Fritz Ridenour

Em segundo lugar, a irmã me acusou de não possuir o amor do Pai, e este, além de ter sido um erro de julgamento precipitado, é um erro gravíssimo de hermenêutica, pois o contexto deste texto faz menção à: a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, e não a gostar ou não de algum lazer. Conseqüentemente, creio que a senhora deveria largar um pouco os livros de auto-ajuda e concentrar mais na essência da Palavra de Deus. E por falar em auto-ajuda, pude ver em seus blogs, que a irmã há mais de 18 anos ministra palestras nesta área, o que para mim é insignificante, pois os seres humanos não necessitam de auto-ajuda, mas sim, da ajuda do auto, todavia, isto é assunto para um outro artigo que estou escrevendo.

Finalmente, a irmã me acusou de não ter coragem em publicar o seu comentário, pois é, novamente a irmã errou, pois além de publicar estou lhe dando a devida replica. E por falar nisto, qualquer pessoa pode comentar meus artigos, tanto no blog, quanto no orkut, e isto sem passar por minha aprovação, ou seja, o comentário é publicado instantaneamente. Não fico bloqueando as mensagens que não gosto como alguns fazem. Gosto de ser elogiado, mas também gosto de ser confrontado, e quando sou, não fujo de um bom debate.

No mais,

Que a graça de Deus sempre superabunde em sua vida!

Pr. Sylas

19 comentários:

Eli disse...

Excelente resposta Pastor Sylas.

Precisamos realmente destes debates para que possamos estar a cada dia mais inteirados da palavra de DEUS.

Abs,

Eli e Andrea
IMW

Reinaldo Carlos da Silva disse...

PASTOR SILAS,
GOSTEI DE SUA RESPOSTA, RESPONDEU À ALTURA SEM PERDER A COMPOSTURA,
E BOM NISSO QUE RESPONDEU COM RESPEITO, EM MOMENTO ALGIM PERDEU O EQUILIBRIO, EU SEI QUE A PESSOA QUANDO PERDE O EQUILIBRIO FALA UM MONTE DE BESTEIRA, MAS O SENHOR MOSTROU O BOM SENSO.

É LAMENTYÁVEL COMO A "RIGIDES" LEVAM MUITOS À INCOERÊNCIA:

1° CONHEÇO MUITAS "IRMÃS" QUE TAXAM AS OUTRAS DE OUTRAS DENOMINAÇÕES POR PINTAREM UM CABELO, UMA UNHA COMO INCREDÚLAS. E O MAIS INTERESSANTE É QUE ELAS MESMAS PINTAM DESCARADAMENTE.

2º DIZEM LÁ NA IGREJA TAL NÃO TEM DOUTRINA. ORA QUALQUER PESSOA QUE TEM CORAGEM DE ESTUDAR UM POUCO QUE SEJA A BIBLIA OU MESMO UM SIMPLES DICIONÁRIO SABE MUITO BEM QUE DOUTRINA NÃO É UM BATOM, UM BRINCO, UM COLAR. DOUTRINA É ENSINAMENTO, ESTUDO, ETC.

3°CONDENAM POR JOGAR FUTEBOL, ATÉ QUE ALGUÉM ME PROVE QUE É PECADO ESTOU FIRMENO MEU ÂNIMO.
POIS NÃO É ERRADO JOGAR O FUTEBOL EM SI, PECADO É FALAR PALAVRÃO, VIOLÊNCIA,MALDADE, ISSO SIM É REPROVADO PELA PALAVRA DE DEUS.

4º PAULO FALOU NUM TÓPICO QUE ESTA NAS NOSSAS BIBLIAS COM O TÍTULO "O ATLETA CRISTÃO" ELE EM MOMENTO ALGUM CONDENA O ESPORTE, MUITO MENOS O ESPORTISTA, APENAS FEZ DISTINÇÃO ENTRE A COROA TERRENA E A CELESTIAL.

FIQUE EM PAZ MEU IRMÃO, OREMOS PELAS PESSOAS.
É UM PRAZER SEGUIR SEU BLOG QUE DEUS TE ABENÇOE NO NOME DE JESUS.

O júbilo da pessoa que ama disse...

Pastor Sylas, parabenizo-o pela réplica enviada, à altura, para esta abençoada irmã. Sei que, como Salomão, Deus tem lhe proporcionado este dom maravilhoso; A SABEDORIA, além de tê-lo escolhido como instrumento dos Seus propósitos aqui na terra até a Sua vinda.
Oremos por estas vidas que adotam doutrinas humanas.
Que a paz do Senhor que excede a todo entendimento, esteja sempre com o senhor e seus familiares.
Feliz 2009!
Abraços em Cristo.
Cleusa Galvão

Leaosenior disse...

Parabéns Pastor Sylas.
De que adianta vivermos longe da pratica de esportes e ter um mal humor contagiante? Temos que cuidar do corpo que como diz a bíblia é o templo do espírito santo. E nada melhor que a prática de esportes, na nossa igreja tem até campeonato interno, é ali que se conhece o verdadeiro cristão, no áuge da sua adrenalina.
Presbítero Leonardo da Igreja Evangélica Cristã Presbiteriana de Itaquaquecetuba SP.

CONFERENCISTA CARLOS GOMES disse...

PAZ PASTOR SYLAS.
PARABENS PELA RESPOSTA, DEUS CONTINUE TE ABENÇOANDO MUITO MAIS!!

athos gomes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
oseias_cridasa disse...

Á Luz da palavra de Deus, a Bíblia diz: "Quem é santo, santifica-se mais ainda" Nesse caso podemos dizer: "Quem separa, separa-se mais ainda". Santo é uma palavra que na essência etimológica significa separado. Mas, separar do que? Eu tenho uma visão diferente dos demais que aqui postaram suas respostas em relação ao futebol. Não sou fanático, já joguei muita bola e falo do que conheço. Tenho plena convicção que um ambiente de Jogo e a prática do Futebol não é para cristãos. São ambientes carregados com depravações, cheios de palavrões, brigas, excessos, imoralidades, culto aos demônios e suas divindades, disputas e até adultérios. A Bíblia diz: 1 Te 5: 22 - "Abstende-vos de toda a aparência do mal". Com certeza todos aqui concordam que ninguém da "glória a Deus" quando tem sua canela chutada... Mesmo que ainda existam aqueles que se dizem "fortes espirituais". Basta uma pequena dividida no futebol pra o "velho homem" voltar a nascer em sua vida (Rm6:6). Devemos ter cuidado com o liberalismo de que NADA É PECADO OU ISSO NÃO TEM PROBLEMA ou QUE TUDO É PECADO. Eu considero a escolha da prática do futebol muito arriscada para um servo de Deus habitar ou conviver entre os que não conhecem a Deus e praticar os mesmos atos dos não salvos. 1Co 10:21 - "Não podeis beber o cálice do Senhor e o cálice dos demônios; não podeis ser participantes da mesa do Senhor e da mesa dos demônios". Sl 1:1 - "BEM-AVENTURADO o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores". É o que a Bíblia diz... É óbvio que uma recreação entre os servos de Deus, em momentos oportunos, que não tomem o tempo de Deus ou a sua adoração na casa do senhor, não é pecado... Tudo com moderação é aceitável, mas devemos ter cuidado.
Em Gl 5:16 – “Digo, porém: Andai em Espírito, e não cumprireis a concupiscência da carne”. A carne milita contra o espírito e nesse ambiente estamos dando uma forcinha pra ela. Quem deve prevalecer, a carne ou o espírito?

Paulo disse...

Infelizmente a igreja está sendo gopeada com a linha de pensamento de alguns pastores. Hoje existe de tudo para atrair os crente, pois já criaram a festa jesuina, os sufistas de cristo, os gays de cristo, os beiles funk para evangelicos e muitas outras aberrações em nome da liberdade cristã. O futebol nada mais é do que uma adoração aos idolos. Se estar em um estádio gritando o nome do seu clube não for profanação, eu não sei mais o que é ser cristão.

xanda disse...

Pastor Sylas paz do senhor, tudo bem irmão, vou direto ao assunto sou lutador de boxe ou "pugilista" como preferir sou convertido e batizado, adoro ler a palavra do Senhor,e me converto todos os dias mudando e corrigindo meus velhos costumes. Mas ultimamente tenho uma angustia no coração, orei tanto para Deus sobre meus oibjetivos dentro do boxe que até vim parar em uma cidade que tem o melhor professor de boxe do rio Grande do Sul sem querer, só que tenho uma divida sobre se Deus não este desagradado de mim por praticar este esporte já que é um esporte de contato e tenho que acertar meus adiversários.
O boxe que pratico é o olimpico, mas nos ultimos meses não consigo lutar pensando nisso, chego até a sonhar com Deus falando para min servir a obra dele mas sinto que não é o momento. claro que o Senhor sabe de todas as coisas.
Por favor o senhor poderia medar sua opinião sobre isto, porque quando pratico o boxe me sinto completo assim como quando conheci Jesus! Todos os pastores para quem perguntei nâo conseguiram me esplicar direito, me ajude! Muito obrigado.

rafaela disse...

Pr Silas,a paz do Senhor!So ontem tive o prazer em conhecer o sr atraves de uma das suas pregasoes,fiquei enpactada,Deus falou muito ao meu coracao!To ja fora do Brasil a 11 anos,queria muito ter o contato do sr ai no brasil!Se possivel me pasa um email com seus contato,desde ja agradeco e Deus te abencoe!meu email vianap01@hotmail.com

eliani disse...

A paz pastor,louvo ao Senhor por sua vida e pela graça que recebeu,pois servo precisa pedir inteligencia pois assim teremos um culto racional,e palavras de sabedoria para envergonhar o inimigo.

PRESENÇA MANIFESTA disse...

Segue a gente lá pastor nosso blog. Está em construção ainda.

Paz, te admiro muito.

raulfogo2@hotmail.com

Érika disse...

Uh Huuuu!!!....10 x 0 para o Pr Silas!!!! Parabéns!

lucineia disse...

PASTOR! EM PRIMEIRO LUGAR A PAZ DO SENHOR! AMEIIIIII SEU TESTEMUNHO ONDE VC ESTAVA NO BAIRRO NOVO BOA VISTA EM CONTAGEM NO DIA 08/02/2011. OLHA VC É UMA LIÇÃO DE VIDA P/ MIM! QUANTAS HUMILHAÇÕES, MEU DEUS! OLHA EU RECLAMO TANTO DE TUDO! TENHO 2 FILHOS SALDAVEIS.... PASTOR AO OUVIR SEU TESTEMUNHO EU PERCEBIR, O QUANTO EU SOU INGRATA! SÓ DEUS PARA ME PERDOAR EU GLORIFICO A DEUS PELA SUA VIDA E SUA MÃE.... É UMA GUERREIRA GOSTARIA QUE O SENHOR PASSACE A LEVA-LA NOS PROXIMOS TESTEMUNHOSS MEU DEUSSSS Ñ TENHO NEM MAIS PALAVRAS. O Q MAIS ME ENTRISTECEU, FOI QUANDO FALOU SOBRE SEU IRMÃO PASTOR QUANTO VC SOFREU MUITO TRISTE VIU! QUE JESUS CONTINUE ABENÇOANDO VC E SUA FAMILIA ! (LUCINEIA C B)

RUBENS CORREA disse...

PASTOR A CADA DIA TE ADIMIRO MAIS COMO PASTOR, COMO AMIGO E COMPANHEIRO DE SALA DE AULA, QUE DEUS POSSA CONTINUAR TE ABENCOANDO.

pregador Rubens disse...

OLA PASTOR,A PAZ DO SENHOR
A CADA DIA QUE PASSA, FICO MAIS AGRADECIDO A DEUS, POR VER O SENHOR DERRAMAR A SUA GRAÇA SOBRE VOCÊ.
ESPERO UM DIA PODER TE CONHECER MELHOR.
RUBENS DA FATEK

pregador Rubens disse...

OLA PASTOR,A PAZ DO SENHOR
A CADA DIA QUE PASSA, FICO MAIS AGRADECIDO A DEUS, POR VER O SENHOR DERRAMAR A SUA GRAÇA SOBRE VOCÊ.
ESPERO UM DIA PODER TE CONHECER MELHOR.
EM RELAÇÃO AO FUTEBOL,É QUE AS VEZES TROCAMOS AS BOLAS,PORQUE:
POR MUITAS VEZES ELES CHUTAM A BOLA É POR DINHEIRO,LAZER OU FALTA DO QUE FAZER E NOS CHUTAMOS ELES É POR NÃO CONHECERMOS A GRAÇA QUE E DE GRAÇA E QUE NOS FOI DADA POR QUEM DEU SUA VIDA POR NOS.
RUBENS DA FATEK

verônica disse...

Seus comentários sempre são excelentes

verônica disse...

Seus comentários sempre são excelentes